É imprescindível conhecer a prioridade entre regras de trânsito, já que a probabilidade de se deparar com situações em que os sinas de contradigam é muito grande.

Recorda-se da prioridade entre sinais de trânsito?

Conhecer a prioridade entre sinais de trânsito é algo rápido de fazer e totalmente necessário para que possa conduzir de forma correta, segura e de acordo com a lei.

O objetivo dos sinais de trânsito é indicar aos utilizadores quais as obrigações, limitações ou proibições de uma via. Como são regras específicas, sobrepõem-se às regras gerais de circulação. Por exemplos, se existe um sinal STOP ou de cedência de passagem, a regra geral de dar prioridade ao veículo da direita não se aplica.

De certeza que já se deparou com diversas situações em que encontra sinais contraditórios e não sabe qual seguir. É muito comum que com o passar dos anos se esqueça das regras específicas, o que pode representar um verdadeiro perigo para si e para todos os que circulam na estrada.

Por isso voltamos a recordar a ordem de prioridade entre os distintos tipos de sinais e regras.

Hierarquia de regras de trânsito

Hierarquia entre sinais de transito

  1. Sinais e ordens das autoridades ou agentes reguladores da circulação, prevalecem sobre todas as outras
  2. Sinalização provisória (como a das obras). Modifica temporariamente a forma como se deve utilizar a via.
  3. Semáforos
  4. Sinais verticais de circulação
  5. Sinais horizontais ou marcas rodoviárias

Hierarquia de sinais de transito

Uma forma muito simples de saber qual a ordem que deve seguir quando se encontra numa situação ambígua é pensar assim: quanto mais provisório ou restritivo o carácter da regra, mais prioridade tem.

Por exemplo, a sinalização temporária que modifica o regime normal de circulação na via é utilizada quando existe a necessidade de circular de forma diferente durante um tempo determinado.

No entanto, se recebe ordens de um agente de trânsito, geralmente significa que a circulação se modifica temporariamente por uma razão específica, e por isso anulam-se todas as outras regras.

Atualmente, Telpark está disponível em mais de  70 cidades de Portugal e Espanha. Deixe-nos uma mensagem ou visite a secção de perguntas frequentes no website do seu parquímetro pessoal.

Se ainda não descarregou a aplicação, não espere mais: para isso apenas tem de clicar.

Mais informações e vantagens em www.telpark.com/pt/